Inscrições para Wings For Life World Run já estão abertas

Após reunir quatro mil participantes em Brasília nesse ano, a Wings For Life World Run, corrida que acontece simultaneamente em 34 cidades ao redor do mundo, voltará ao país pelo quarto ano consecutivo em 2017 e já conta com inscrições abertas. Confirmada para o dia 7 de maio na capital federal, a novidade é que, agora, os brasileiros podem pagar a taxa em reais, no valor de R$110, através do site oficial da prova (clique aqui). http://www.wingsforlifeworldrun.com.

Com um conceito inovador, a prova dá a oportunidade para que qualquer pessoa participe do evento, independentemente do nível de treinamento, ao contrário dos eventos tradicionais. Nessa competição, é a linha de chegada que persegue os atleta quando um “carro perseguidor” larga 30 minutos depois dos competidores e vai aumentando a velocidade gradativamente, alcançando um por um. O último a ser ultrapassado pelo veículo é o campeão do evento. Além disso, a prova tem o objetivo de buscar fundos para a pesquisa da cura da lesão na medula espinhal e toda a arrecadação é revertida para a causa.

Na edição desse ano, mais de 130 mil pessoas de 193 nacionalidades se inscreveram para a prova, participando do evento em 33 países. No Brasil, a corrida passou por pontos icônicos de Brasília, como Catedral Metropolitana Nossa Senhora da Aparecida, Itamaraty, Teatro Nacional, Universidade de Brasília, Lago Paranoá e Ponte JK e teve como campeão o britânico Thomas Payn, na categoria masculina e Leticia Saltori, entre as mulheres. O campeão global foi o italiano Giorgio Calcaterra, que bateu o recorde do evento e correu 88.44 km. Por aqui, os vencedores foram o britânico Thomas Payn, na categoria masculina, e Letícia Saltori, entre as mulheres.

A Wings For Life World Run foi criada para apoiar a fundação sem fins lucrativos Wings For Life, que financia projetos de pesquisa sobre lesões na medula espinhal em todo o mundo. O valor arrecadado com as inscrições do evento é completamente revertido a essas pesquisas e, desde 2014, quando a prova começou, já foram arrecadados mais de €7 milhões. Para saber mais, acesse o site oficial.

wings2